Total de visualizações de página

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Litoral Encena


Literatura

Novos e antigos escritores se reúnem em São Sebastião.


É muito legal a iniciativa da Secretaria de Cultura e Turismo de São Sebastião em promover o 20º Encontro Regional de Autores. Trata-se de uma boa oportunidade para divulgar os novos escritores da região e, também, o  trabalho desenvolvido pelas nossas fundações culturais no que se refere a literatura regional.

Livro relata vida e morte de Benetazzo
O encontro, que acontecerá oficialmente, no sábado a noite, na sectur sebastianense vai reunir os antigos e novos escritores. Estarão em exibição 20 obras, algumas delas, bem interessantes, como a história escrita em 2013, em cordel, pelo poeta caraguatatubense Maurício Poeta Neto, que retrata a vida e morte de Antônio Benetazzo, um jornalista e artista plástico morto pelos agentes da ditadura na década de 70.
 
 
 
Navio afundou em Ilhabela em 1916
 
 
 Outra obra que deve ser bem interessante “Príncipe de Astúrias: o Titanic brasileiro”, de Isabel Vieira (2014), relata o naufrágio do navio “Príncipe das Astúrias”, construído em 1914, pelo estaleiro Russel & Co, na Escócia, que naufragou em 1916 na costa de Ilhabela, considerada a maior tragédia marítima brasileira.  Abaixo algumas das obras que participam do encontro de autores:

Obras
 

São Sebastião

“Autobiópsia” | Adriana Calabró/Fotos Marcelo Grilo (2004) | Henel Indústrias Gráficas Ltda. Taubaté/SP

“Violência contra a Mulher: Rompendo o silêncio” | Câmara Municipal de São Sebastião (2010)

 “Contos de varanda” | Marry Faria - Maria Aparecida de Faria Arduini (2012) | Cabral Editora e Livraria Universitária – Taubaté/SP

“Nkisi na Diáspara: raízes religiosas Bantu no Brasil” (2013) | Acubalin (Associação de Cultura Banto do Litoral Norte/SP)

“Antologia Poética Concurso de Poesias Nhô Bento” | Secretaria de Cultura e Turismo de São Sebastião (2013) | JAC - Editora São José dos Campos/SP

 “Enseada: sua história por sua gente” | Ilza Celeste Sant’ Anna de Castro             (2013) | Câmara Brasileira de Jovens Escritores Rio de Janeiro/RJ

“O segredo de Druzilla, a encantadora de siris” | Isabel Galvanese (2013) Editora Esfera São Paulo/SP

 “Alma caipira e caiçara” | Manoel Lopes Pereira/Maria Angélica de Moura Miranda (2014) | JAC Editora  São José dos Campos/SP                     

“Outros causos e retratos de São Sebastião” | Álvaro Dória Orselli – Seo Alvinho (2014) | Gráfica Power Graphics  São Paulo/SP

Caraguatatuba

“Altamir Tibiriça Pimenta: o prefeito do centenário” | Fundacc – Fundação Educacional e Cultural (2004) | Caraguatatuba/SP

“Mapa Cultural Paulista 2009/2010” | Jônatas Calciolari Garcia (2010) | Governo do Estado de São Paulo

“Carelli” |  João J. Spinelli (2010) | Bei Comunicação Ipsis Gráfica e Editora

São Paulo/SP

“Exercício da Emoção” | Sara Goldman-Belz e Elvira Vernaschi (2010) | Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural  São Paulo/SP

“Causos e lendas do Porto Novo” | Vários Autores (2011) | Fundacc (Fundação Educacional e Cultural) Allcor Gráfica Caraguatatuba/SP

 “Águas da memória” | Thomas Kremer e Thiago Medaglia (2012) | Kremer Editora São Paulo/SP

“Antonio Benetazzo” | Maurício Poeta Netto (2013) | Fundacc (Fundação Educacional e Cultural) Caraguatatuba/SP

“O tempo de magia: a caixa da vida; Saga: caixa do infinito” | Antônio Mazoti Azevedo            (2013) | Editora Plêiade São Paulo/SP

“Uma canção para o Senhor” | Felipe Moraes (2014) | Chiado Editora  Lisboa/Portugal  

“Fotogramas” | Luiz Brener   (2014) | Editora Patuá  São Paulo/SP

“Caraguá e bairros diversos” | Maurício Poeta Neto | Fundacc (Fundação Educacional e Cultural) Caraguatatuba/SP

“O planeta perdido” | Kareen Caetano (2014) | Gráfica e Editoria Santuário  Aparecida/SP

Ilhabela

“Ilhabela de Norte a Sul em fotos e poesias” | Marcio Dufranc & Gillermo Dufranc

“Alma  Panamericana” | Adrian Kojin (2005) | Editora Gaia Ltda São Paulo/SP

“Mundo Palavreado” | Ricardo Aleixo/Ilustrações Silvana Beraldo (2013) | Editora Peirópolis Ltda São Paulo/SP           

“Ilhabela da Princesa: um sonho em versos” | Delcides Mendes Cardial (2014) | Grupo Editorial Scortecci  São Paulo/SP

“Como se Livrar das Energias Negativas” | Maria Silvia Freitas Lopes (2014) | All Print Editora São Paulo/SP

“Antologia Poética XI Concurso de Poesia” | Biblioteca Municipal de Ilhabela (2014) | Fundaci (Fundação Arte e Cultura de Ilhabela)

“Príncipe de Astúrias: o Titanic brasileiro” | Isabel Vieira (2014) | Editora Moderna Ltda  São Paulo/SP

Ubatuba

“Poemas de Quintal” | Cathia de Almeida/Ilustrações Marta Milanetti (2002) | Gráfica e Editora Nacional São Carlos/SP

“Barco Sereia” | Wagner Feldmann (2007) | Espaço Editorial São Paulo/SP

 “Glossário Caiçara de Ubatuba” | Peter Santos Németh (2010) | All Print Editora e Gráfica Ltda São Paulo/SP

“A menina e o passarinho” | Maria Luiza Carvalho Chinarelli Celestino (2011) | Ottoni Editora Itu/SP

 “Luzes da Lua” | Wagner Fedmann (2012) | Perfil Editorial São Paulo/SP

“Navegando o Brasil” | Thomas Kremer, Luciana Lancellotti e Claudio Blac (2012) | Kremer Editora São Paulo/SP

“Contos do Vale” | Ana Luiza Patrocínio (2013) | Academia Jacarehyense de Letras    

 “Pedras Preciosas” | Wagner Feldmann (2013) | Perfil Editorial São Paulo/SP

“Porta Encostada: entre a resiliência e a obsessão” | Edgar Izarelli de Oliveira (2014) |

 “Há sempre um novo caminho a seguir” | Maria Vianna (2014) | Grupo Editorial Scortecci São Paulo/SP

Teatro

Litoral Encena oferece espetáculos de teatro de rua, bonecos, circo e dança.

Bonecos no Litoral Encena
O 8º Festival Litoral Encena continua em Caraguá e em outras 13 cidades do Litoral e Vale do Paraíba. O evento é simplesmente sensacional. Os grupos participantes também. O objetivo do festival é levar e divulgar o que há de melhor na cultura brasileira e, que a gente nem sempre vê na TV. Caraguá é a cidade mais beneficiada. A maioria dos grupos de outros estados se apresenta por aqui antes de seguir para as demais cidades do estado.  Podemos dizer e considerar Caraguá como é a porta de entrada da cultura vinda de outros estados no Estado de São Paulo. Méritos para  a fundação cultural de nossa cidade. Isso tudo é possível graças ao apoio da Abaçaí Cultura e Arte, a Poesis (organização Social de Cultura), projeto Ademar Guerra e Oficinas Culturais do Estado de São Paulo. A maioria da população, no entanto, praticamente desconhece isso...Parabéns a equipe toda da Fundacc, a Zenaíde, ao Adiba, a Lalá, ao Jean, enfim a toda a turma pelo evento. Vejamos a programação para os próximos dias do Litoral Encena:       


Dia 20 – Segunda
10h às 17h30 – Oficina Corpo_Cidade, com André Capuano – Ação Cultural do Projeto Ademar Guerra – Centro Cultural do Sumaré
10h, 15h e 20h – Pés Descalços – Morpheus Teatro – São Paulo /SP – Teatro Mario Covas
14h – Três Variando – Trupe Irmãos Atada – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta
21h – Exemplos de Bastião – Mamolengo Sem Fronteiras – Brasília/DF – Praça Dr. Cândido Motta
22h30 – Mundomudo – Cia. Azul Celeste – São José do Rio Preto/SP – Auditório Maristela de Oliveira

Dia 21 – Terça
14h – Olga, a Pulga – Palhaça Guadalupe – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta
16h – Tropeço – Grupo TATO – Criação Cênica – Curitiba/PR – Auditório Maristela de Oliveira
20h – Ecos – Cia. Fragmento de Dança – São Paulo/SP – Teatro Mario Covas
21h – São Jorge Menino – Cia. São Jorge de Variedades – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta

Dia 22 – Quarta  
14h – O Flautista de Hamelim – Trip Teatro de Animação – Rio do Sul/SC – Praça Dr. Cândido Motta
16h – O Princípio do Espanto – Morpheus Teatro – São Paulo/SP – Auditório Maristela de Oliveira
20h – Alma Aprisionada – Balé de Rio Preto – São José do Rio Preto/SP – Teatro Mario Covas
21h – Musicircus – Cia. Navegante – Mariana/MG – Praça Dr. Cândido Motta      

Dia 23 – Quinta
14h – Tem criança aí? – Grupo Circo Show – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta
15h e 20h – Sabiás do Sertão – Teatro Musical Brasileiro em um ato, uma chegança e uma andança – Cia. Cênica – São José do Rio Preto/SP
– Teatro Mario Covas
21h – Construtório – Cia. Truks – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta

Dia 24 – Sexta
10h – Zabumba – Cia. da Tribo – São Paulo/SP – EMEF Professor Oswaldo Ferreira – Bairro Jardim Casa Branca
14h – Zabumba – Cia. da Tribo – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta
20h – Link – Ribeirão Preto Cia. de Dança – Grupo Dançarte – Ribeirão Preto/SP – Teatro Mario Covas
21h – Auto da Anunciação – Cia. Cênica – São José do Rio Preto/SP – Praça Dr. Cândido Motta
22h30 – Aquarela Brasileira – Grupo de Teatro Talentos do Silêncio – Caraguatatuba/SP – Auditório Maristela de Oliveira

Dia 25 – Sábado
10h – 4 Contos para o Teatro de Bonecos – Cia. Gente Falante – Porto Alegre/RS – Centro Comunitário e Cultural José Agostinho de Souza – Morro do Algodão
15h – Sacy Pererê – A Lenda da Meia Noite – Cia. Teatro Lumbra – Porto Alegre/RS – Centro Cultural Benedito Estevam do Carmo – Travessão
16h – Circo Alegria e Cidadania – Folias de Picadeiro – São Paulo/SP – Praça Dr. Cândido Motta
21h – Alice no País das Maravilhas – Giramundo Teatro de Bonecos – Belo Horizonte/MG – Teatro Mario Covas

Super fim de semana



Turismo

Falta d’água no Estado "antecipa" temporada de verão no Litoral Norte.


Praia Martin de Sá. Foto O Vale

A falta de água na capital e nas cidades do interior paulista antecipou a temporada de verão nas cidades do Litoral Norte. Entre permanecer em suas cidades, convivendo com o forte calor e a falta de água, milhares de pessoas optaram em “fugir” para as cidades do Litoral Norte.
Aqui, além de curtir o banho de mar, em nossas maravilhosas praias, o pessoal pode consumir água fornecida pela Sabesp a vontade. O que não tem sido possível fazer em suas cidades de origem. Na capital e em alguma cidade do interior já existe racionamento de água.  

A região registrou no fim de semana que passou movimento de turistas superior ao registrado em feriados prolongados. As estradas estiveram congestionadas. Os hotéis cheios. E, as praias, superlotadas. Quem viajou para o Litoral Norte, no sábado, pegou estrada cheia e não encontrou vagas nos hotéis e pousadas. A rodovia Osvaldo Cruz, que liga Ubatuba a Taubaté, simplesmente, "travou" em seu trecho de serra, no sábado pela manhã, por causa da quantidade de veículos. A Tamoios, que liga São José a Caraguá, também, no sábado, teve congestionamentos no trecho de serra.

A situação nas estradas ficou mais complicada ontem, domingo, devido ao movimento de retorno dos turistas. Houve congestionamentos na Rio-Santos e em praticamente em todas as rodovias da região. Uma viagem entre Caraguá e São Paulo chegou a levar mais de doze horas. Em Caraguá, os moradores, tiveram que conviver com os eternos congestionamentos no trevo de entrada da cidade. 
Para evitar passar muito tempo nas estradas, muita gente deixou para retornar na manha desta segunda-feira. As rodovias Tamoios e Osvaldo Cruz registraram movimento intenso na ligação entre o litoral e o planalto na manhã de hoje.   
O governador reeleito do Estado, Geraldo Alckmin, atendendo reivindicações do prefeito de Caraguá, Antônio Carlos, já prometeu melhorias na Rio-Santos, justamente, para evitar esses congestionamentos entre as duas cidades, principalmente, nos feriados prolongados. O Estado pretende duplicar alguns trechos entre as duas cidades.  
 
Tudo indica que a região continuará recebendo muita gente nos fins de semana. É que, além do calor, a falta de água na capital e interior, fez com que milhares de pessoas procurassem “refúgio” nas praias do Litoral Norte. O engraçado é que a falta de água era um dos principais problemas da região (Litoral Norte) até dez anos atrás.  

É verdade. Muita gente, principalmente, jovens universitários,  desceu a serra para curtir a  nossa região por causa da “Semana do Saco Cheio”, antes muito tradicional nas faculdades e universidades e, hoje, também adotada pelas prefeituras.
Muita gente, no entanto, veio para as praias do Litoral Norte para fugir do forte calor e, principalmente, da falta de água em suas cidades. Foi o que ocorreu, por exemplo, com turistas de Campinas, Itu, Sorocaba e das demais cidades do interior paulista e, também, da capital e grande São Paulo.


Situação dos reservatórios no interior 
“Entre passar calor e não ter água, optamos em pegar a estrada e vir para Caraguatatuba”, comentou um turista de Sorocaba. Outro, da capital, afirmou que se a situação permanecer assim- sem água, na capital, vai deixar a família em Caraguá. “Estou só esperando as crianças entrarem em férias escolares”, disse o turista.

Tudo indica que a “temporada de verão”  terá início mais cedo, graças a falta de água que atinge a capital e o interior paulista. Quem tem casa de veraneio no Litoral Norte, não pensará duas vezes, se continuar faltando água em suas cidades de origem, devem mesmo alojar suas famílias nas cidades do litoral até que o fornecimento de água seja  normalizado em suas regiões.
“Aqui, a gente tem água do mar e água da Sabesp à vontade”, comentou um veranista turista de Campinas. A casa de veraneio dele recebeu a visita de outros três casais, com seus respectivos filhos, no fim de semana.  “O pessoal  disse que em Campinas tá muito quente e faltando água”, disse Walter Silva.

Segundo ele, se continuar assim- faltando água e fazendo forte calor em Campinas, a família deverá aumentar o período de permanência, em Caraguá,  em suas férias de fim de ano.   
Ontem, muitos turistas e até veranistas, chegaram a armazenar água para levar para suas cidades de origem. Tambores de água podiam ser vistos nos bancos traseiros e nas caçambas de alguns veículos. 
     
O índice de ocupação nos hotéis da região central de Caraguá chegou a 100% no sábado e domingo. Centenas de pessoas tiveram que procurar alojamento em cidades vizinhas. Como não havia vagas nos hotéis e pousadas, os motéis tiveram lotação acima da média.
Muita gente, passou o dia de sábado na praia e, retornou para sua cidade de origem, a noite, por não conseguir alojar a família em hotéis ou pousadas da região.
O movimento também surpreendeu supermercados, postos de combustíveis, restaurantes, quiosques, bares, lanchonetes e sorveterias. Praticamente todas as praias tiveram movimento intenso de banhistas. Em Caraguá, até mesmo, a praia central, sempre vazia, ficou cheia no fim de semana. A noite foi difícil encontrar vaga para estacionar na região central de Caraguá.
 
A causa da “invasão dos turistas” tinha duas justificativas: o forte calor e a falta de água nas cidades do interior e capital paulista. O movimento de veículos acabou resultando em congestionamentos, ontem, quando do retorno dos turistas para suas cidades de origem. A viagem entre Caraguá e São Paulo chegou à durar 12 horas. Muitos motoristas perderam muito tempo na rodovia Rio-Santos, no trecho entre Ubatuba e Caraguá ou, no trecho de serra, da rodovia dos Tamoios. O tempo perdido nas estradas não irritou os turistas. O que tem irritado eles é a falta de água em suas cidades de origem.  A Sabesp garante que não haverá falta de água nas cidades do Litoral Norte.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Operação Caça Fraudes


Fiscalização

 

Operação Caça Fraudes “pega” Pousada em Ubatuba.

 

A operação de combate a fraudes de água, realizada pela Sabesp nas quatro cidades do Litoral Norte, identificou nesta semana em Ubatuba uma ocorrência de furto de água em estabelecimento comercial. A pousada, localizada na rua Anchieta nº 395, no bairro Perequê-Açu, cujo fornecimento de água está “oficialmente” cortado por falta de pagamento desde o mês de abril, executou uma ligação clandestina, sendo abastecida desde então de maneira irregular. Conforme explicou o gerente da empresa em Ubatuba, Iberê Fabio Horie Kuncevicius, “o corte no fornecimento de água foi executado diretamente no cavalete no primeiro semestre. No início deste mês realizamos a supressão definitiva na rede. Com isso, o proprietário da pousada, que estava furtando água da rede pública não tinha como abastecer seu estabelecimento e solicitou a regularização da ligação. Foi a partir daí que identificamos o que popularmente chamamos de ‘gato’. Havia, próximo ao cavalete, um cano desviado e a água estava entrando normalmente no estabelecimento sem passar pelo hidrômetro, que estava lacrado”, destacou. Ao constatar a violação do medidor, a Polícia Militar de Ubatuba foi acionada e encaminhou o proprietário da pousada da à Delegacia local para registro de boletim de ocorrência de furto qualificado. É importante destacar que até setembro, a operação “Caça fraudes” inspecionou 179 imóveis, dos quais 48 estavam em situação irregular. Com a ação, o volume recuperado foi de 4,6 milhões de litros de água. Fonte: Sabesp

Esporte

           Caraguá sedia o 2º Fly Show no fim de semana

Foto Meon.
 Acontece em Caraguá neste fim de semana, dias 18 e 19, o 2º Caraguá Fly Show, evento que reúne os principais pilotos de asa delta e vôo livre do país. A competição é organizada pela Associação Caraguatatuba de Vôo Livre, com apoio da Associação Comercial e Empresarial de Caraguá e Prefeitura local, através da Secretaria de Turismo.
O presidente da Associação Comercial, Roberto Dias das Mercês, disse que o torneio de vôo livre ajuda a fomentar o turismo e a promover a cidade, considerada a “Capital do vôo livre”.  A competição é muito legal e, atraí muita gente, principalmente, turistas. Os pilotos decolam do alto do morro do Santo Antonio em direção a praia central. As provas são de precisão, ou seja, quem pousa mais próximo ao alvo e, de tempo, quem sobrevoa o percurso em menos tempo.    
Caraguá é um dos melhores locais para a prática do vôo livre no Estado de São Paulo. No município está situado o Morro Santo Antônio, com 360 metros de altitude, local onde se descortina uma vista formada pela enseada de Caraguatatuba, São Sebastião e Ilhabela. No Morro Santo Antonio existem duas rampas de vôo livre, de 360 metros e 340 metros, ambas, consideradas pelos profissionais, como as melhores do litoral de São Paulo, devido à boa estrutura, condições de vento e térmicas, além da vista que encanta aqueles que vão até o mirante. Caraguá, já sediou etapas do campeonato brasileiro e, é conhecida pelos esportistas como o  “paraíso do vôo”.
 
Um projeto de lei, de autoria, do então deputado Mozzart Russomano, desde 2009- há cinco anos, está parado na assembléia legislativa, aguardando ser colocado em votação. O projeto de lei que denomina oficialmente Caraguá como a “Capital do Vôo Livre” no Estado de São Paulo encontra-se “engavetado” na assembléia legislativa. Mozzart foi um dos últimos representantes do Litoral Norte a ocupar um cargo na assembléia. Como ele não foi reeleito em 2010, o projeto foi praticamente esquecido. Este ano, infelizmente, a região, não elegeu nenhum de seus representantes, por isso, agora, mais uma vez, vai depender da boa vontade de deputados eleitos por outras regiões para aprovar o projeto de lei que concede à cidade o título de “Capital do Vôo Livre”.

Cultura

Litoral Encena começa, hoje, em Caraguá e região.



Começa nesta sexta-feira (17/10) a 8ª edição do Litoral Encena – Mostra Nacional de Teatro de Rua, Teatro de Bonecos, Circo e Dança de Caraguatatuba, que prevê até o dia 25/10, 102 apresentações artísticas e 5 workshops em 13 municípios da região.

A abertura oficial será realizada às 20h, na Praça Dr. Cândido Motta, no Centro de Caraguá. O público poderá conferir o grande cortejo festivo composto pela Banda Municipal Carlos Gomes, por fanfarras municipais, bonecões gigantes de Brazópolis, Caçapava e Caraguatatuba e pelo grupo de capoeira angola “Iê Guaiá”. Logo após, encerrando a cerimônia solene, o Abaçaí Balé Folclórico, de São Paulo, apresenta o espetáculo “Olho D’Água”.

A programação é gratuita e entre os destaques estão os espetáculos “Alice no País das Maravilhas”, da Cia. Giramundo Teatro de Bonecos, de Belo Horizonte e “Silêncio Total – Vem chegando um Palhaço”, do Grupo de Teatro Piollin, de João Pessoa. Entre as atividades estão a Oficina de Interpretação, que será ministrada pelo renomado ator Luíz Carlos Vasconcelos (o palhaço Xuxu) e a Oficina de Dança – Técnica de Balé Clássico, ministrada por Giovanni Di Palma, coreógrafo italiano da São Paulo Companhia de Dança.

 
O 8º Litoral Encena é uma realização da Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, do Governo Municipal e da Abaçaí – Cultura e Arte, em parceria com a Poesis (Organização Social de Cultura), projeto Ademar Guerra, Oficinas Culturais do Estado de São Paulo e municípios participantes, com o patrocínio da Petrobras. Mais informações: (12) 3897.5661 ou www.fundacc.com.br.

Confira abaixo a programação completa de Caraguá:

Dia 17 – Sexta
20h – Grande Cortejo pelas ruas de Caraguatatuba
20h30 – Abertura Solene – Praça Dr. Cândido Motta
21h – Olho D' Água – Abaçaí Balé Folclórico – São Paulo/SP - Praça Dr. Cândido Motta
Dia 18 – Sábado
10h às 11h30 – Oficina de Dança – Técnica de Balé Clássico com Giovanni Di Palma – Teatro Mario Covas
15h – Cia. Street Boys – Fernandópolis/SP, Grupo Descendentes de Rua – São Sebastião/SP e Grupo New Face – Ribeirão Preto/SP – Praça Dr. Cândido Motta
15h e 20h – São Paulo Cia. de Dança – São Paulo/SP – Teatro Mario Covas
21h – As Presepadas de Damião – de como fez fortuna, venceu o Diabo e enganou a Morte com as graças de Jesus Cristo – Honesta Cia. de Teatro – Campinas/SP – Praça Dr. Cândido Motta
Dia 19 – Domingo
9h às 12h e das 13h às 16h – Oficina de Interpretação com Luiz Carlos Vasconcelos – Centro Cultural do Sumaré
15h – Três Variando – Trupe Irmãos Atada – São Paulo/SP – Associação de Moradores e Amigos do Bairro do Pegorelli
20h – Oficina Cultural Contemporânea – Barueri – SP e Vícios Cia. de Dança – Cubatão/SP – Teatro Mario Covas
21h – Silêncio Total – Vem chegando um palhaço – Piollin Grupo de Teatro – João Pessoa/PB - Praça Dr. Cândido Motta

 Comportamento
                         Começa amanhã o horário de verão

Não se esqueça, começa amanhã, o Horário de Verão. O inicio do horário de Verão 2014: Começa na noite de sábado (dia 18 de outubro) para o domingo (dia 19 de outubro) e os relógios devem ser ADIANTADOS em uma hora a partir da meia noite. O final do horário de Verão 2014: Termina na noite do sábado (dia 15 de fevereiro) para o domingo (dia 16 de fevereiro) e os relógios devem ser ATRASADOS em uma hora a partir da meia noite. Não confunda: o Horário de Verão não tem nada a ver com o Verão. O verão mesmo começa somente no dia 21 de dezembro e termina no dia 21 de março de 2015. Bons sonos e um ótimo horário de verão. Aproveite este período para praticar alguma atividade física, como por exemplo, nadar ou caminhar. Aproveite, não fique aí parado...

Cidades

Ubatuba comemora 377 anos com show de Gabi Amarantos

Navios de cruzeiros em Ubatuba. 
Ubatuba comemora 377 anos. A festança vai acontecer na terça-feira, dia 28, com corrida de canoas caiçaras, travaessia de stand up, inauguração da estátua de Anchieta, festival de rock e o show de Gabi Amarantos, na Praça de Eventos, às 20 horas. Nossa vizinha cidade é simplesmente um das mais lindas do Brasil e do mundo. Tem mais de 100 praias, muitas  maravilhosas e um povo dos mais hospitaleiros. A cidade tem cerca de 80 mil habitantes é chega a receber mais de um milhão de turistas na temporada de verão. Um pouco mais sobre Ubatuba: 83% de seu território (de 710,783 Km2) fica em área do Parque Estadual da Serra do Mar. Seu nome tem origem tupi e há pelo menos duas interpretações para o nome. Em tupi, ubá significa canoa, enquanto u'ubá significa cana-do-rio, que é uma gramínea que era utilizada na confecção de flechas pelos índios. Como tyba indica "ajuntamento" , o nome da cidade pode significar tanto "ajuntamento de canas-do-rio" quanto "ajuntamento de canoas". Poucos sabem, mas ao longo do século XIX, Ubatuba foi uma cidade rica, graças à atividade portuária. Em 1855, a cidade passou de vila a comarca. Com o fim da atividade portuária, transferida para a região de Santos, Ubatuba mergulhou em isolamento e decadência econômica.

Em 21 de abril de 1933, o engenheiro Mariano Montesanti inaugurou sua rodovia, a conhecida, hoje, como Oswaldo Cruz,  descendo para Ubatuba a partir de Taubaté, fazendo a primeira ligação por estrada com o planalto e o vale do paraíba. Essa estrada deu grande impulso ao turismo local, principalmente da população de Taubaté. Em 1948, Ubatuba conquistou a categoria de estância balneária. As rodovias Tamoios e Rio-Santos colaboraram para o aumento do turismo na cidade. A especulação imobiliária e turística, entretanto, contribuiu para a rápida destruição do patrimônio histórico de Ubatuba. Hoje sobraram poucas mostras da ocupação antiga, com talvez o exemplo mais destacado ser o Sobradão do Porto.

 A cidade de Ubatuba está a 250 km da capital. Limita-se ao norte com Parati (Rio de Janeiro), ao sul com Caraguatatuba, a oeste com Cunha, São Luiz do Paraitinga e Natividade da Serra e a leste com o Oceano Atlântico. A cidade é cortada pelo Trópico de Capricórnio, que atravessa a cidade, passando em frente à pista do aeroporto local. O Parque Estadual da Serra do Mar, criado para proteger e preservar a mata atlântica, tem três núcleos dentro de Ubatuba: Cunha-Indaiá, Santa Virgínia e Picinguaba. Além disso, a cidade possui uma sede do Projeto TAMAR, destinada à conservação das espécies de tartarugas-marinhas do litoral brasileiro.

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Trem em Caraguá


Transportes


 Estado prevê, até 2030, viagem de trem entre São Paulo e Caraguá. 


O meu amigo e, também jornalista Dagomir Marquezi, publicou em seu blog, na última terça-feira, dia 14, um artigo dos mais interessantes. O artigo me foi repassado pelo Rogério Nacache, amigo desde o tempo do “Beco das Mariposas”, uma república, em que morávamos, no bairro de Pinheiros, na capital, na década de 70. Vale a pena reproduzir aqui no blog o assunto abordado pelo Dagomezir Marquezi, que também freqüentava a nossa república e, se especializou, em escrever sobre trens, um blog bastante interessante. Segundo ele, devido ao colapso rodoviário nas estradas paulistas o governo estadual acelera a implantação de trens regionais no Estado. E, segundo ele, em 2030 deverá existir uma linha de trem ligando a capital paulista à Caraguatatuba. Leia o artigo publicado no blog do Dagomir Marquezi:   

Colapso rodoviário acelera implantação de trens regionais no estado de São Paulo



Até 2030, calcula-se que as duas principais rodovias de São Paulo - Anhanguera e Bandeirantes - entrem em colapso, com congestionamentos de 13 horas diárias. Essa perspectiva fez o governo do estado de São Paulo apressar a implantação de uma rede de trens regionais, a serem inaugurados entre 2020 e 2040. O projeto reaproveita os trilhos já utilizados hoje para o transporte de carga.
A primeira dessas ligações seria entre São Paulo e Americana, passando por Campinas. Segundo mapas divulgados pelo site ViaTrolebus, nessa primeira etapa (2020) a rede faria um "X" tendo como centro a cidade de São Paulo. Nos extremos do X estariam Piracicaba/Limeira, São José dos Campos, Sorocaba e Santos.
Até 2030, as linhas cresceriam em todas as diversões, chegando a São José do Rio Preto, Bauru, Ribeirão Preto, Aguaí, Guaratinguetá. Chegaria a lugares não previstos até agora como Caraguatatuba. O plano ainda considera que o TAV (Trem de Alta Velocidade ligando Campinas, São Paulo e Guaratinguetá) será construído.
Segundo esse projeto, em 2040 a rede estaria bem mais complexa, chegando a Franca, Marília, Avaré e Itapetininga.
Veja abaixo o mapa com as linhas previstas até 2040: Em verde, a linha do TAV (trem de alta velocidade ligando Campinas, São Paulo e Guaratinguetá); na cor azul, as linhas férreas (entre elas a ligação entre São José dos Campos e Caraguá); e, na cor vermelha as linhas férreas no interior (que deverão ser implantadas até 2040).    
 
 
 
 

O artigo de Dagomir não aborda o possível  uso da linha férrea para o transporte de cargas para o porto de São Sebastião. Sabe-se que o Estado vai duplicar o porto, justamente, com o objetivo de aumentar o movimento de cargas no local, principalmente, da produção feita nas indústrias estabelecidas no Vale do Paraíba e no interior do Estado (na região de Campinas), destinadas à exportação. Como a linha férrea chegaria apenas até Caraguá, tudo indica que o retroporto (áreas destinadas à armazenagem de cargas) ficaria na cidade e, não em São Sebastião, até mesmo, devido à falta de espaço para este tipo de atividade na cidade vizinha. Também não deve ser desprezado que a rodovia dos Tamoios, mesmo duplicada, não comportará o movimento de cargas que se prevê para o porto sebastianense nas próximas décadas. Isso prejudicaria e muito o turismo na região. A Tamoios, que é a principal ligação entre as cidades do Vale e o Litoral Norte, sofreria muito desgaste.
 
Só para recordar, Caraguá já teve uma linha de trem, na década de 30/40, com cerca de 80 quilômetros. Os trens circulavam no interior da Fazenda dos Ingleses, hoje, Serramar. Relembre, através da foto feita pelo pai de Kelso Medici, que era funcionário da fazenda, na época.    


Comércio

MPF quer que cidades do Litoral Norte combatam venda de contrabando nas feiras.

 

Em reunião ocorrida esta semana o Ministério Público Federal, a Polícia Federal e a Inspetoria da Receita Federal recomendaram as prefeituras de São Sebastião, Ilhabela e Caraguatatuba, que adotem critérios rigorosos para a concessão de alvarás de funcionamento para feiras nos municípios. Os órgãos querem apoio das prefeituras para coibir a comercialização de mercadorias contrabandeadas ou falsificadas e proteger o consumidor com a oferta de produtos e serviços com padrões adequados de qualidade, segurança, durabilidade e desempenho. Segundo determinação dos órgãos, as prefeituras devem cassar os alvarás de funcionamento quando constatarem práticas ilícitas no âmbito tributário, aduaneiro, criminal e do consumidor. A recomendação destaca que a violação da legislação aduaneira provoca prejuízos aos cofres públicos e coloca em risco a segurança pública nos casos em que há necessidade de fiscalização ostensiva durante a realização das feiras livres. Esse tipo de comércio é tradicional na região, em especial no período de alta temporada, de dezembro a janeiro. O MPF lembra que constitui ato de improbidade administrativa por parte dos órgãos municipais autorizar o funcionamento de estabelecimentos capazes de causar danos ao erário. Conforme o órgão, a presença de mercadorias estrangeiras nas feiras, que tenham entrado de forma irregular no país, pode acarretar a retenção e consequente abertura de procedimento para eventual aplicação de pena de perdimento pela Receita Federal. Tal prática também pode levar ao encaminhamento, ao MPF, de representação fiscal para fins penais pelos crimes de contrabando e descaminho, cuja apuração caberá à PF. A Prefeitura de Ubatuba não foi incluída na recomendação porque não faz parte da jurisdição da Inspetoria da Receita Federal de São Sebastião, apesar de estar abrangida pela Polícia Federal e pela Procuradoria da República em Caraguatatuba. A representante do MPF no procedimento é a procuradora Sabrina Menegário. Fonte: A Tribuna.
 

 

TURISMO

 
13º Simpósio de Segurança do Navegador Amador em São Sebastião.

 
Acontece em São Sebastião o 13º Simpósio de Segurança do Navegador. O evento contará com uma série de atividades para melhorar e garantir mais segurança aos navegadores amadores na região, principalmente, durante a temporada de verão. Devem participar do simpósio mais de 300 participantes de todo o Brasil. Organizado pela Brancante Seguros, com o apoio da Sectur (Secretaria de Cultura e Turismo), Marinha do Brasil e  Marina Igarerecê  a ação  já tem confirmada a presença de diversas autoridades, entre elas os comandante da Marinha, almirante-de-esquadra Júlio Soares de Moura Neto; de Operações Navais  almirante-de-esquadra Wilson Barbosa Guerra e do 8 Distrito Naval, vice-almirante Liseo Zampronio. O diretor de Portos e Costa, vice-almirante Claudio Portugal de Viveiros e  o vice-almirante Celso Luiz Nazareth, também estarão presentes, assim como o contra almirante Newton C. Pinto Homem, o capitão dos Portos de São Paulo, capitão-de-mar-e-guerra, Ricardo Gomes e o delegado da Capitania dos Portos de São Sebastião, capitão-de-fragata, Marcelo Sá.

O simpósio, que acontece há 14 anos, tem por objetivo transmitir noções de segurança aos navegadores amadores por meio de palestras e demonstrações. No primeiro dia do evento, acontecerá a Capacitação para Motonautas, que atende às novas determinações na Normam 03 que prevê treinamento prático para aqueles que desejem pilotar moto aquática. Já no dia 17, sexta-feira, vai ser o “Dia de Mar” que consiste numa atividade prática embarcada, onde serão aplicados vários treinamentos relacionados à segurança e que terá validade como atestado de embarque para os candidatos a Arrais Amador. No dia 18, serão realizadas palestras com convidados especiais, sempre focadas no objetivo de informar e instruir os navegadores para as questões que envolvem a navegação de esporte e recreio, no quesito segurança e a sua responsabilidade como comandante. As palestras acontecerão no Teatro Municipal de São Sebastião. Haverá ainda, na tarde do dia 19, a aplicação de provas para aqueles que desejarem se habilitar como Arrais, Mestre ou Capitão Amador.

Cultura

 
Espetáculo teatral “Bicicleta Vermelha”, hoje, em São Sebastião.  

O premiado espetáculo infantil “Bicicleta Vermelha”, da companhia italiana Principio Attivo, será apresentado, hoje, dia 16, no teatro municipal de São Sebastião.  A atração faz parte do Programa Circuito Cultural Paulista e promete agradar crianças e adultos, a partir das 20h,  com seu fio narrativo fornecido por Marta que, ao folhear um álbum de fotos remete o público às aventuras excêntricas e heróicas de sua família que ganha a vida colocando brinquedos em ovos de chocolate sob o poder de Bankomat (o vilão da peça) dono da casa e da fábrica de ovos de chocolate,  além de proprietário das estrelas e da lua. A peça mostra que a força desta família reside na sua capacidade de transformar um instrumento de aflição e opressão em um meio de libertação, tudo graças a Pino,  irmão de Marta  que,  quase por acaso,  encontra uma maneira de restaurar a dignidade da família.

Eolo Awards

Vencedor do Eolo Awards 2013 na categoria “Melhor Dramaturgia”, considerado o prêmio mais importante na Itália para o teatro infantil, o espetáculo já foi encenado em outros países, como Edimburgo na Escócia onde a troupe participou do “Fringe Festival”, uma vitrine muito importante para o teatro.

Serviço: O infantil terá início às 20h, com classificação 7 anos e duração  de 60 minutos. Os ingressos serão trocados por um litro de leite integral longa vida na bilheteria da Casa a partir das 14h.

Concurso Público

Prefeitura de São Sebastião lança dois editais com o intuito de preencher 147 vagas.

Para a área de educação, o município abre oportunidades temporárias de professor nas esferas de educação física (10); educação básica I (60); educação básica I – intérprete de libras (10); e educação básica II para as disciplinas de artes (5), ciências (5), geografia (5), história (5), inglês (5), interpretação de libras (5), língua portuguesa (15) e matemática (15). O requisito é o ensino superior e a habilitação na área, no caso de intérprete de libras.

Já as colocações efetivas são para agente de combate a endemias (1), técnico em raio X (1), engenheiro (1), fisioterapeuta (1), inspetor fiscal de rendas (1), nutricionista (1) e terapeuta ocupacional (1). O posto de agente exige ensino fundamental completo. Para técnico é preciso ter cursos médio e técnico e registro profissional. As demais chances são para graduados com registro no conselho da categoria, quando aplicável.

Inscrições

Para se candidatar às carreiras será preciso preencher o requerimento de participação até o dia 10 de novembro. O formulário pode ser encontrado no site da SHDias Consultoria e Assessoria.  As taxas são R$ 32 para o emprego de agente de combate a endemias, de R$ 47 para técnico de raio X e de R$ 70 para as demais profissões. As provas objetivas estão marcadas para o dia 30 de novembro. Dependendo do cargo serão pedidos conhecimentos de língua portuguesa, matemática, raciocínio lógico, sobre o município, fundamentos da educação, legislação, publicações institucionais, matérias pedagógicas e específicos.

Para intérprete de libras também haverá avaliação prática. Agentes de combate a endemias contarão, todo mês, com salário de R$ 967,94.  Professores terão remuneração mensal de R$ 2.949,57 na educação básica I e de R$ 3.136,18 na educação básica II. Os aprovados para técnico em raio X receberão R$ 1.805,80. Para os outros empregos, os vencimentos serão de R$ 2.204,47 (inspetor e engenheiro), R$ 4.038,04 (fisioterapeuta e terapeuta ocupacional) e R$ 5.384,07 (nutricionista). Conforme a legislação atual, 5% das chances serão destinadas a pessoas com necessidades especiais.